0
Shares
Pinterest Google+

cachorro-cocando-alergia-pulga-petrede

Os humanos não são os únicos que sofrem com . Se você perceber que seu bichinho de estimação está se coçando demais ou lambendo as patinhas em excesso está na hora de levá-lo ao veterinário.

Se seu pet se enquadra neste cenário, ele provavelmente está tendo uma reação alérgica.

A alergia é uma em que o sistema imunológico reage anormalmente às substâncias comuns do cotidiano.

O médico veterinário Luiz Eduardo Bagini Lucarts, especialista em dermatologia no Hospital Veterinário Pet Care, listou as causas mais frequentes de alergias em animais.

– As alergias mais comuns nos animais, tanto em cães como em gatos, seriam as alergias à de ectoparasitas (pulgas ou carrapatos), alergias alimentares (o causador da alergia seria um componente da dieta do animal) e a atopia, na qual a substância causadora de alergia seriam pólens, ácaros ou fungos que se encontram no ambiente.

cachorro-cocando-pulga-alergia-petrede

As costumam ter basicamente os mesmos . A coceira é a mais comum e pode ocorrer em diversas regiões, como próximo aos olhos, à cauda ou na região do tronco. A lambedura excessiva das patas e uma simples otite podem também ser sinais de alergia.

O médico veterinário Renato Enio Iazzetti, da clínica Meddog, ainda explica que algumas alergias podem causar sintomas mais graves.

– Os animais podem apresentar inchaço e vermelhidão tanto no local da picada, se for o caso, quanto em áreas como o lábio e o focinho. Em alguns casos eles podem ter um edema de glote ficando com dificuldade de respirar e engolir alimentos. Em quadros mais extremos os animais podem até entrar em choque anafilático correndo sério de .

Para esse problema a melhor forma de tratamento é evitar que o animal entre em contato com a causa da alergia, já que não há cura, e sim controle.

O veterinário Luiz Eduardo Lucarts explicou melhor os cuidados que se deve ter no tratamento.

– Evitar o contato do animal pode ser conseguido se tratando de pulgas, carrapatos ou até evitando que o animal, alérgico a algum tipo de alimento ingira esta comida. Já quanto se trata de substâncias do ambiente, como pólen ou ácaros isto se torna bem difícil. Assim, muitas vezes temos que recorrer a medicamentos ou à vacinas para o controle da alergia.

– Não tente medicar ser animal por conta própria, sem a opinião de um profissional. Muitos animais apresentam alergias a medicamentos, como a penicilina. Os gatos são muito sensíveis aos analgésicos com ácido acetilsalicílico – completou o Dr. Renato.

Se a alergia do bichinho não for tratada ele pode vir a apresentar um grande número de lesões de pele, além de problemas para dormir e se alimentar devido a coceira constante.

O veterinário Luiz Eduardo Lucartz ainda explica alguns cuidados que o dono deve ter com o animal alérgico.

– Os donos devem aplicar produtos anti-pulgas mensalmente nos animais. Caso a aplicação destes produtos não seja suficiente para atenuar a coceira, o melhor é procurar o médico veterinário.

Atualmente já existe no mercado homeopatia para animais com a finalidade de controlar os sintomas causados pela alergia. Tratar o seu bichinho significa devolver a ele a qualidade de vida digna do seu melhor amigo.

Coceira e vermelhidão? Cuidado! Seu pet pode estar com alergia foi modificado pela última vez: março 7th, 2016 por Alexandre Domingues
Anterior

Saiba qual é o tipo de coleira ideal para o seu cãozinho

Próxima

Divulgada lista atualizada dos animais ameaçados de extinção

  • marlon

    eu dei banho de erva chamada aroeira mais primeiro eu dei banho com dermacyd graça adeus no meu cao deu resolveu.

    • Mariana

      Só isso que VC passou

  • Lidiane

    Olá meu cachorro é uma akita e ela se coça muito esta perdendo pelo,já levei ela no veterinário fiz ate uma biopsia para ver o que ela tinha mas não deu nada. Não sei mais o que fazer

  • Bruna vieira

    Minha cadelinha esta com coceira e o pelo ta caindo.Antes disso ela estava com muito carrapato.O q devo fazer,e qual o remedio q devo dar ou aplicar.aguardo.

    • glicerio

      Assim como foi dito pela Bruna a minha cadela está com o mesmo sintoma. O que devo fazer já levei no veterinário e o diagnostico não foi eficiente.