Filhotes de focas são decapitados em santuário na Irlanda

Uma recompensa de €7,000 está sendo oferecida por duas ONGs de proteção animal para quem tiver informações sobre a barbariedade cometida contra duas focas filhotes que foram decapitadas e tiveram suas cabeças pregadas em uma placa na entrada de um de focas no condado de Kerry, .

A Polícia está investigando as razões e circunstâncias das placas encontradas do lado de fora do Santuário Dingle Wildlife.

Junto com as cabeças, foram exibidos cartazes dizendo “RIP cull”, em português significa “descanse em paz – abate” e “RIP I am hungry”, “descanse em paz, estou com fome”, todas pintados em letras de forma com sangue.

A Organização se diz chocada ao supor que um ser humano pode ser capaz de cometer tamanha crueldade.

O Santuário anunciou que medidas foram adotadas, como sistemas de segurança e instalação de câmeras de infravermelho. A notícia foi  criticada nas redes sociais pelo conteúdo de crueldade.

Funcionários também agradecem ao Animal Action Network Direitos e Sea Shepherd Conservation por colocar o dinheiro da recompensa para ajudar a encontrar os responsáveis. O santuário abriu as suas portas em junho de 2010, com voluntários que cuidam de animais com necessidades em todo o sudoeste da Irlanda.

Imagens:

Comentários

, , ,