Protetores dos animais buscam a ajuda da população

– Pessoas que abrigam animais abandonados na cidade enfrentam dificuldades financeiras e buscam a solidariedade do restante da , pois garantir a de dezenas de cães e gatos é uma tarefa onerosa e que exige grande dedicação. Atualmente,
a Associação Protetora dos Animais de Canoas (Aprocan) possui 92 cães adultos e mais de 30 filhotes em seu canil. Além deles, outros cachorros abandonados ficam em casas de passagem, aguardando que surja uma vaga na sede da entidade. Segundo a presidente da Aprocan, Eliane Tavares, as doações da comunidade são essenciais para que os animais sejam desverminados, alimentados e castrados. “A maioria dos nossos animais são de porte médio, de raça não definida, não são o perfil mais procurado. É importante que as pessoas adotem, para que mais vagas possam ser disponibilizadas”, fala Eliane.

para os abandonados
A pensionista Nair Schorn abriga animais abandonados e vítimas de em sua casa há cerca de 10 anos. Atualmente, ela cuida sozinha de 10 gatos e 30 cães. “É um sufoco para alimentar e para limpar. Gasto praticamente todo o meu salário com eles. Às vezes organizo alguma ação para conseguir ajuda, mas não são muitas as pessoas que colaboram”, conta. Ela procura voluntários que possam auxiliar doando ração, já que este é seu gasto mais significativo no cuidado com os animais.

e
O Hospital Veterinário da Ulbra não realiza castrações gratuitamente, mas os proprietários de animais que comprovem possuir baixa renda podem obter a esterilização de seus animais por preços reduzidos. Segundo a coordenadora clínica do Hospital, Carla Koeche, o procedimento é realizado por alunos com supervisão dos professores. As inscrições acontecem no início dos semestres, em março e agosto pelo telefone 3477-9212.

Como ajudar
Associação Protetora dos Animais de Canoas
http://www.aprocan.com
aprocan@aprocan.com
Nair Schorn -8109-9293

Imagens: Ilustração/Divulgação/Reprodução/Internet

Comentários

Um comentário sobre “Protetores dos animais buscam a ajuda da população