0
Shares
Pinterest Google+

Um aquarista sempre quer ter um maior, pelo menos foi o que ouvi de amigos que levam a coisa a sério, eles se gabam de suas bombas importadas e das espécies que habitam seu eco-sistema, sim, um é um eco-sistema em miniatura.

aquario

Começar no aquarismo não é uma tarefa fácil, não é só comprar aquela caixa de vidro com isopor embaixo colocar água e mergulhar os peixes, existe uma série de escolhas a serem feitas que complicam a vida de quem está começando, ou tentando.

Primeiro você tem que escolher se vai ser um aquário de água ou , essa questão é relativamente fácil devido ao altíssimo custo de um aquário de água , pela manutenção e cuidados que demanda, quem estiver te vendendo ou te assessorando vai recomendar que monte um aquário de água por ser mais fácil de manter, a diferença entre eles são as espécies de peixes, algas e corais que para água salgada são muito mais bonitos, e caros.

Por curiosidade vamos perguntar quanto custa pra montar um de água salgada, após ouvir o valor com frases do tipo “Pra começar a montar um pequeno, sem ,  você vai gastar…”, você se recompõe do susto, vamos comprar nosso aquário de água doce e seremos felizes para sempre!

Em seguida, quando tudo aparentemente está resolvido e você já está namorando um ou dois modelos de aquários cheios de badulaques dentro, vem a pergunta fatal: “Você quer ou ?”.

Hein? Isso soa como sonrisal e pilha, do que o sujeito está falando?

São os tipos de peixes que você pode ter no aquário de água doce, pra exemplificar, peixes amazônicos são de água ácida e peixes africanos são de água alcalina, ótimo, e agora? Qual o melhor? Quando o vendedor fala que nós devemos escolher ficamos parecendo uma criança de 5 anos de idade perdida da mãe no meio de uma feira-livre, completamente desorientados…

Nisso ele te mostra uma parede forrada com pequenos aquários cheios de diferentes espécies de peixes pra você ver qual você gosta e então decidir que tipo de aquário terá.

Já decidi qual será o tipo de água e o peixe, posso ir embora pelo amor de Deus?

Não, claro que não, aquela caixa de vidro com isopor embaixo não funciona sozinha, as lojas costumam oferecer aquários completos, com decoração e todo o mecanismo necessário para que tudo funcione e seus peixes vivam felizes, porém observe sempre quais peças acompanham o pacote, aqui temos a velha história de nos venderem o equipamento mais básico e de inferior para num futuro quase nada distante precisarmos comprar uma decente, claro que bombas decentes custam a partir do dobro das básicas.

Moral da história, pesquise, converse com quem já tem e muito cuidado com as orientações dos vendedores, lembre-se que vender é a prioridade deles.

Previous post

Animais também podem ter experiências espirituais

Next post

Cães estudam rostos de humanos, diz estudo

3 Comments

  1. 28/12/2009 at 15:40

    Belo blog, parabens.

    Não deixe de visitar também o

    http://aquarismoreal.blogspot.com

  2. Silvio Luiz
    21/08/2008 at 11:04

    Claro que temos inumeros cuidados a serem tomados…mas ao entrar nesse mundo vamos nos deparar com varias formas de minimizar custos, e formas de manutenção dos nossos aquarios. Hoje em dia, aquela velha bombinha de ar borbulhando no fundo do aquario não existe mais.
    De qualquer forma, vale uma boa literatura antes de procurar uma revenda!
    Outro toque é para procurar grandes centros de revenda desses materiais, a economia será notavel!
    No meu caso, tenho um aquario plantado de 400 litros que envolve um pouco mais de experiencia ( traumatica…Rs) e algum investimento, cerca de 2 mil reais, mas a satisfação de ter um eco sistema em perfeita harmonia e beleza não tem preço!
    Parabens Alexandre pela info sobre aquarismo!

  3. Carlos
    20/08/2008 at 18:24

    Muito bom parecia que era eu na historia.