0
Shares
Pinterest Google+

alerta para a importância da alimentação dos pets após a . Tendência à obesidade é um fator crítico que exige atenção!

A castração dos animais de estimação já se tornou uma questão de pública no , tendo em vista a quantidade de bichos abandonados e mal tratados nas ruas. Sem contar que o procedimento cirúrgico, além de evitar a procriação, tende a diminuir a agressividade e graves do aparelho reprodutor – como problemas de próstata nos machos, tumor de mama, infecção no e até gravidez psicológica nas fêmeas. Mas vale um alerta para cuidados importantes após a castração, que irão garantir mais qualidade de vida e longevidade aos pets.

De acordo com a médica veterinária da PremieR pet (www.premierpet.com.br), Keila Regina de Godoy, a principal preocupação deve ser com a manutenção do peso, pois as mudanças hormonais acarretadas pela castração geralmente resultam em um comportamento mais sedentário, facilitando a instalação da obesidade. “Diante desse fator crítico, a alimentação passa a ter um papel central e deve visar o controle de calorias”, explica Keila, reforçando que não é necessário qualquer tipo de suplementação.

Para animais que estão no peso ideal no momento da castração a veterinária indica uma alimentação com calorias moderadas e fornecida em quantidades adequadas para manutenção do peso. Além disso, uma rotina de exercícios físicos deve ser estabelecida e é preciso cuidado para não oferecer petiscos em excesso.

Os pets que já estão acima do peso, por sua vez, necessitam de uma dieta especial com baixo teor calórico e exercícios visando o emagrecimento, com acompanhamento veterinário. O sobrepeso é um alerta importante para que a alimentação do bicho seja revista. “A obesidade deve ser seriamente combatida, pois acarreta doenças como osteoartrites, diabetes, problemas cardíacos e dermatológicos”, conclui.

Sobre a PremieR pet
Pioneira na fabricação de alimentos Super Premium para cães e gatos no Brasil, a PremieR pet tem uma das mais modernas fábricas da América Latina, localizada no município de Dourado, Estado de São Paulo. Detentora da certificação ISO 9001:2008, possui formulação fixa em todos os produtos comercializados, empregando sempre as melhores tecnologias e matérias-primas na produção de alimentos de qualidade superior. Há quinze anos a empresa vem acompanhando os avanços nutricionais relativos ao segmento, o que resulta num alimento com ingredientes especiais para animais com diferentes estilos de vida. Os itens de sua linha são vendidos exclusivamente em canais especializados, como clínicas veterinárias e pet shops. Mais informações pelo Pet Fone: 0800 55 6666 ou no site www.premierpet.com.br.

Previous post

Felino e roedor juntos? Veja esse vídeo...

Next post

As sacolas plásticas foram proibidas, mas os passeios não

No Comment