0
Shares
Pinterest Google+

Lembrada em 25 de outubro, data serve de alerta para tutores

O Dia Nacional da Bucal é lembrado em 25 de outubro e, apesar de ser comum entre os humanos, ir ao consultório odontológico também é importante para os pets. De acordo com a Associação Brasileira de Veterinária (ABOV), 85% dos pets adultos apresentam algum problema dentário.

Para a perda de e bucais é importante cuidar da saúde oral dos pets, realizando com produtos específicos para animais como cremes dentais, espumas e soluções bucais e fazendo visitas regulares ao veterinário.

O mau é um dos fatores que indicam que existe algo de errado na dos pets. De acordo com a Dra. Mara Rubia Mayorka, veterinária especializada em odontologia de pequenos animais da Vet Saúde Bucal, um destes fatores é o acúmulo de placa bacteriana nos dentes, que deve ser removida por tratamento odontológico guiado por especialista. Para evitar esse tipo de problema, um dos métodos mais eficazes é a prevenção. A dos dentes dos pets deve ser feita uma vez por dia ou pelo menos três vezes por semana. “É importante que a seja feita com produtos especializados. As pastas de dentes para consumo humano possuem saponáceo e flúor em grande quantidade, podendo causar irritação estomacal e gastrite no animal”, esclarece.

A condição da boca do pet está relacionada à saúde geral, pois os problemas nos dentes podem trazer consequências para o coração, articulações e rins. Com produtos voltados para a qualidade de vida do animal, a DrogaVET, maior rede de farmácia de manipulação veterinária do País, possui oito sugestões de fórmulas para higienização bucal e combate à .

A farmacêutica da DrogaVET Daiane Cavassin Kasecker conta que todas as opções de limpeza oral da marca são isentas de flúor, além de serem palatáveis nos sabores carne, frango, menta e frutas. “Entre as opções de fórmulas estão: gel dental com fitoterápicos como extrato de própolis e malva e creme dental antisséptico. Além disso, a DrogaVET também disponibiliza soluções para combate à halitose, enxaguatório bucal, solução para limpeza bucal e lenços para a gengiva”, explica.

Outra dica importante dada pela Dra. Mara Rubia Mayorka é nunca forçar a abertura da boca do cão ou do gato para fazer a escovação, porque pode provocar o surgimento de cistos e disfunções articulares temporomandibular. “A escovação deve ser feita apenas na parte frontal dos dentes, pois a língua do animal acaba fazendo o trabalho mecânico, auxiliando na higiene da boca. Os ossos naturais e artificiais e brinquedos com barbantes também ajudam na higiene oral”, diz a especialista.

Sobre a DrogaVET

Criada em 2004, a DrogaVET está presente em mais de 30 cidades brasileiras e desenvolve medicamentos, suplementos e vitaminas tanto para pets (de companhia), quanto para animais de esporte, ornamentais, silvestres, de exposição e outros. A empresa alia um rigoroso controle de qualidade ao uso racional e eficiente de medicamentos, proporcionando economia aos proprietários, maior aceitação pelos animais e melhores resultados nos ministrados pelos médicos veterinários.

Entre os diferenciais da manipulação veterinária da DrogaVET está a possibilidade de produzir formas farmacêuticas variadas que auxiliam a adesão do animal ao tratamento. Exemplo disso são as fórmulas que podem vir em formato de biscoitos com o sabor preferido do pet. As doses também são personalizadas conforme a necessidade e o peso do animal, evitando desperdícios. Mais informações www.drogavet.com.

Comentários

Previous post

Você sabe o que é o ronronar?

Next post

GOL amplia serviço de transporte de pets na cabine para voos internacionais

No Comment