Remédio gostoso – Medicações em biscoito conquistam cães e gatos

Medicar animais doentes pode ser uma verdadeira batalha. A médica veterinária Karine Kleine, em nefrologia e cardiologia, tem como a maioria de seus animais idosos que requerem de uso contínuo, mas muitas vezes rejeitam a medicação. Segundo ela, o que tem obtido maior sucesso é o “remédio biscoito”.

Se o cão tem hipertensão, por exemplo, o anti-hipertensivo é prescrito na forma de biscoito, pode ser no sabor frango, peixe, bacon, carne, baunilha, morango e até chocolate! O de frango é sucesso absoluto. Já os gatinhos preferem as pastinhas no sabor peixe.

 

A atriz de teatro Márcia Kaplun tem um leão maltês de 15 anos. O cão não aceitava os comprimidos, e era capaz de esconder o medicamento e cuspir depois. Isso prejudicava o tratamento. Com a ajuda do biscoito, ele come rapidinho, sem estresse, e ainda balança o rabo.

Outra novidade nas clínicas e é a com tampinha (o comprimido é colocado dentro dos flocos). Para os bichinhos mais espertos, ainda existe a terapêutica, que substitui o medicamento, e é feita para tratar problemas de origem renal, hepática e até cardíaca.

A veterinária Karine Kleine é fundadora do primeiro Centro de Hemodiálise Veterinário da América do Sul. A sua clínica possui até ecocardiograma, hemodiálise e tomografia computadorizada. Lá existem dentistas, cardiologistas, acupunturistas e várias outras especialidades: www.renalvet.com.br.

Imagens: Ilustração/Divulgação/Reprodução/Internet

Comentários