GPS para cachorro: veja modelos e saiba como eles funcionam

Uma das maiores e mais preocupantes situações pela qual um dono de pet pode passar é perder o seu bichinho de estimação, sentindo-se impotente diante da dificuldade que pode haver em encontrar seu querido amigo em uma grande cidade.

Para acabar com essa insegurança, que afeta todos os que têm um animalzinho como parte da família, foi criado o GPS para cachorros, que promete o fim dos pets perdidos.

Embora muitos possam achar que os conhecidos microchips poderiam exercer a mesma função do GPS para cães, essa afirmação não é totalmente verdadeira, já que, enquanto os microchips garantem apenas a identificação do animal (contando com a sua informações físicas, além das do seu proprietário), o GPS canino é mais confiável e capaz de dizer a localização exata em que o pet se encontra, permitindo que seja feito um resgate mais rápido e preciso.

No Brasil, a disponibilidade destes produtos ainda é bastante rara, mas quem quiser adquirir o produto (e estiver disposto a desembolsar um valor alto por isso) pode comprá-lo por meio de lojas virtuais. Confira, a seguir, alguns dos nomes mais populares em GPS para cães, e saiba como eles funcionam para tranquilizar os proprietários de pets:

Tagg – The Per Tracker
O produto consiste em uma coleira que, além do GPS, também conta com Wi-Fi e é compatível com os sistemas Android e IOS. Resistente e com bateria que pode durar até cerca de um mês, o aparelho permite que seu dono estabeleça uma área determinada onde a presença do animal é segura, programando-o para que envie um alerta cada vez que o cachorro passar desse limite pré-estabelecido. Além do proprietário, outros cinco contatos também podem ser cadastrados para receber os alertas.

The Pet Locator
Neste caso, o aparelho é de tamanho pequeno e pode ser fixado na coleira do animal, também possibilitando a sua localização por meio da ativação do rastreador GPS. A bateria do aparelho e um pequeno painel solar permitem que a área de circulação do cachorro seja delimitada.

Autor: Ricardo Tubaldini (CRMV – SP 23.348), Médico Veterinário formado pela Universidade Paulista e Cirurgião Geral e Ortopedista em Hospital Veterinário de São Paulo. Dr. Tubaldini é Diretor de Conteúdo do portal CachorroGato.

1 opinião sobre “GPS para cachorro: veja modelos e saiba como eles funcionam”

  1. olá.Bom dia. É uma ótima idéia.Pois ter um peludo desaparecido é muito doloroso. Que tal também incluir nesta ideia modelos para gatos hem?