0
Shares
Pinterest Google+

Tania, uma solitária, presa numa sala de cimento, ajoelha-se de forma submissa diante do funcionário que vai limpar a sua cela, num jardim romeno. Ela foi separada dos outros elefantes por não conseguir aprender os truques ensinados pelo para agradar ao público.

Disseram que Tania não se deu bem com os outros elefantes que viviam com ela. Eles foram treinados para fazer truques em La Cornelle Zoo, na . Ela está no zoológico de Targu Mures, cujo diretor diz ela está “bem assim”.

Andrea Scorpia
Andrea Scorpia

Nós precisamos dizer às autoridades e aos meios de comunicação o contrário. O que é curioso na foto é que ela fica tão próxima ao funcionário, pois ele está com uma pá, para que possa “se defender” dela.

Forçada a ficar nessa posição, e pela falta de cuidados com os pés, vemos que o zoológico não sabe como cuidar dela. Tania teve problemas de stress no passado, e quem pode culpá-la?

Esta é a razão pela qual ela foi transferida para a Romênia, para a prisão de cimento.

Tudo isso é completamente inaceitável.

Assine a petição que pede por Tania e por todos os animais confinados em zoológicos.

Petição: http://www.thepetitionsite.com/755/337/604/help-to-get-tania-out-of-the-tirgu-mares-zoo/

Mande um EMAIL à EAZA (Associação de zoológicos europeus), pedindo que ela seja transferida.
– Diretor Executivo: lesley.dickie@eaza.net

Pergunte por que o EAZA permitiu que isso acontecesse, pois este zoológico não está obedecendo suas regras.

Envie um email à Comissão Europeia.
– Director: janez.potocnik @ ec.europa.eu
– SG-PLAINTES@ec.europa.eu (PARA: Ion Codescu, Chefe de Fiscalização)

Registre sua reclamação À Comissão Europeia, acessando este link:
http://ec.europa.eu/eu_law/your_rights/your_rights_forms_en.htm

Somente juntos poderemos salvar Tania e outros animais torturados e criminosamente confinados em zoológicos.

Fonte: The Intependent Online

Nota da Redação: Zoológicos são centros de confinamento, dor e sofrimento, onde os animais são condenados a viver longe da natureza à qual pertencem e de onde foram forçosamente retirados – vítimas dos interesses sádicos dos humanos. Lugar de animal é livre na natureza. Para entender o que acontece com animais confinados em zoológicos, leia a entrevista da professora da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e colunista da ANDA, Sônia Teresinha Felipe, em Animais perdem a ‘alma’ nos zoos.

Anterior

Menina de 3 anos desaparece em floresta e é salva da morte por cão da família

Próxima

Teresina tem cemitério público para animais domésticos