0
Shares
Pinterest Google+

Os gestores da danificada central nuclear de Fukushima, no , dizem não ter tempo para evitar que animais entrem no complexo altamente .

Recentemente, as câmaras de vigilância registaram dois cães e um gato a vaguear na central que ficou seriamente danificada com o e o de março.

Além de provocar pelo menos 24 mil mortos, o sismo obrigou ao abandono de inúmeros de animais. Os residentes não podem aproximar-se da central num raio de 20 quilômetros.

Fonte: Euronews
Anterior

Cientistas descobrem animais mumificados no Egito

Próxima

Animais exóticos são os novos bichos de estimação