Evitar conflitos entre vizinhos e animais de estimação só mesmo com boa educação

petrede-briga-de-vizinhos

Você tem um vizinho com um animal de estimação inconveniente? Late e uiva nas horas mais inoportunas? É difícil lidar com situações como essas. Normalmente, chega até o dono uma reclamação mais formal e em casos de condomínios o síndico intervém para tentar minimizar os conflitos. Mas, para especialistas, dar uma boa educação ao animal vai garantir a paz entre os vizinhos.

Assim como um filho, o pai/dono precisa tratar bem o animal, com carinho, alimentação e atenção, pois esses fatores são essenciais para um bom tratamento. Uma dica é adestrar o cão ou gato, só assim o dono tem o completo domínio sobre o bicho de estimação. Quando o cão é de grande porte o latido pode incomodar um vizinho, mas se ele for bem treinado e educado, em um simples chamar de atenção do dono o animal pode parar.

Casos como esses, de incômodo entre vizinhos com um cachorro, foram parar na justiça. Em ação, um vizinho ganhou a causa e conseguiu uma liminar para expulsar um cão barulhento de um apartamento. O caso aconteceu no interior de São Paulo.

“Na verdade, são os proprietários que precisam desenvolver hábitos e dar um bom comportamento para seus animais de estimação. Se for possível, é interessante contratar um serviço de adestrador”, diz a tutora do Portal Educação, médica veterinária Danielle Pereira. Segundo ela, somente em casos nos quais não há acordo entre vizinhos, medidas mais duras deverão ser tomadas.

Fonte: Pantanal News

Deixe uma resposta