0
Shares
Pinterest Google+

Uma menina polonesa de 3 anos, que de casa na última sexta-feira, foi graças à seu cãozinho. Ao passar a noite abraçada ao cachorro da família, em abaixo de zero, o animal a protegeu do e da , declaram membros do Corpo de que efetuaram o resgate.

A menina, chamada Julia, foi encontrada na manhã de sábado ao lado do cachorro Czarek em um pântano a vários quilômetros de sua casa, no vilarejo de Pierzwin. Ela foi levada a um , onde se recupera dos efeitos da exposição ao frio de -5 graus.

Segundo o bombeiro Grzegorz Szymanski, o calor do cão foi suficiente para manter a menina viva e foi o fator primordial para a sua sobrevivência. “O animal ficou ao lado da menina a noite toda, não saiu de perto. Observe que fazia 5 graus abaixo de zero e a criança estava molhada”, observou.

Buscas
Para bombeiros, calor de Czarek foi suficiente para manter a menina viva em temperaturas negativas. As buscas por Julia mobilizaram mais de 200 pessoas durante a madrugada de sábado e acredita-se que ela tenha passado horas vagando pela floresta próxima à sua casa.

Os pais da menina disseram que a haviam deixado brincando com o cão preto no jardim de casa, quando ela desapareceu. Os bombeiros a localizaram após a ouvirem chorando e chamando a mãe.

Segundo a família da menina, ela e o cão sempre foram inseparáveis. “Ela estava com o cachorro o tempo todo. Não ia a lugar nenhum sem ele”, afirmou a avó de Julia, Danuta Balak. “Quando eu estava cuidando dela, na minha casa, ela dizia: ‘Vovó, chama o Czarek para entrar em casa’. E me pedia para cortar pão para que ela pudesse dar a ele”, contou.

Fonte: BBC
Anterior

A triste verdade sobre os lugares onde filhotes vendidos online realmente vivem

Próxima

A triste realidade dos animais confinados em zoológicos