São Paulo: Primeiro hospital público para cães e gatos tem salas cheias

Em seu primeiro mês de funcionamento, o único hospital público para animais no País, aberto no dia 2 de julho em São Paulo, já registra intenso movimento e tem atendido cerca de 70 animais por dia.

Situado no Tatuapé, na zona leste, a instituição vem de uma parceria entre a prefeitura e a Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais de São Paulo, que recebe R$ 600 mil mensais para administrar o local e realizar mil consultas e 180 cirurgias. Lá é priorizado o atendimento de cães e gatos cujos donos não têm condições de pagar o tratamento. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

O atendimento clínico, realizado com o auxílio de 28 funcionários, dentre eles 16 veterinários, funciona por distribuição de senhas (30 por dia), que costuma ocorrer até as 13h. Caso o animal precise de uma consulta com um especialista, o encaminhamento pode ser feito para o mesmo dia ou uma consulta é marcada para alguma data posterior.

A instituição já dispõe de atendimento de emergência, sem a necessidade de senha e comprovação de baixa renda por parte dos donos. No entanto, se o tratamento tiver que seguir, a falta de condições de custeá-lo deve ser comprovada. Já estão disponíveis no hospital cirurgia, ortopedia, dermatologia e odontologia.

Fonte: Terra

Deixe uma resposta