0
Shares
Pinterest Google+

Composto 1080 afeta e também pode matar pessoas.
diz ter dificuldade para fiscalizar estabelecimentos.

Um que tem o comércio no é vendido em (RS) para matar e . O produto é vendido em casas agropecuárias.

Os vendedores sabem que o produto é perigoso e orientam os clientes a colocar o pó em alimentos para os animais.

A substância foi analisada por um laboratório de Porto Alegre. De acordo com o laudo, o produto é um raticida altamente tóxico e não tem antídoto.

O composto 1080, como é conhecido, não é perigoso apenas para animais domésticos e, se for ingerido por uma pessoa, é fatal.

“Não tem como tratar o veneno em si. É um tratamento de difícil recuperação e tudo indica que vai levar a morte sim”, afirma a médica toxicologista Adriana Wolffenbüttel.

Em animais domésticos e no ser humano, o veneno age no sistema nervoso central, sistema respiratório e no coração. Em no máximo 30 minutos é absorvido pelo organismo e provoca convulsões, o coma e a morte.

Por causa do perigo que representa, vários países do mundo já proibiram a venda do composto 1080. Quem vende esta substância, além de colocar em risco a saúde pública, está cometendo crime.

“As sanções são de diversos níveis. Começa com a instalação de processo ético profissional e aí as medidas são desde uma advertência até o extremo oposto, que seria a cassação do exercício profissional, dependendo do envolvimento do profissional”, afirma o assessor do Conselho Regional de Veterinária, Augusto Langeloh.

A coordenadora da Vigilância Ambiental em Saúde de Torres, Carmem Vieira, reconhece a gravidade da situação, mas diz que a das agropecuárias é responsabilidade do Ministério da Agricultura.

“O Ministério da Agricultura tem o poder de intervir nos estabelecimentos. O município atua somente se houver denúncias ou reclamações”, diz Carmem.

O delegado do Ministério da Agricultura, Francisco Signor, reconhece que existe dificuldade para fiscalizar as mais de cinco mil lojas de produtos agropecuários no .

Outro problema que preocupa as autoridades é que o veneno é vendido sem qualquer indicação sobre o princípio ativo. Se um animal ou uma pessoa ingerir, é impossível saber o que provocou a intoxicação.

Fonte: G1
Veneno proibido é usado para matar cães e gatos no RS foi modificado pela última vez: junho 30th, 2014 por Alexandre Domingues
Anterior

Adolescentes americanos podem pegar 25 anos de prisão por queimarem gato

Próxima

Cachorro come US$ 400 da dona

  • que horível nem tenho oq falar…

  • Taís Abel

    Olá!

    Eu fui a denunciante do comerciante que vendia composto 1080 em Torres.
    A RBS recebeu a denúncia do local no RS onde é fabricada esta arma. As investigações estão paradas. Se alguém puder dar uma luz de que forma poderemos pressionar e levar a prisão destes bandidos, por favor me contatem:
    tais_abel@hotmail.com

    Taís Abel