0
Shares
Pinterest Google+

piranhaO Dave Brown, de 44 anos, dono do Holmbush, em St Austell, no sul da , achava que a que mantém no de sua loja queria se mudar de lá. Afinal, é um espaço pequeno. Ela vive na maior solidão. Pois o cara sentiu na pele o engano. O bicho não queria sair de lá nem a pau.

Ao retirar o do tanque, Brown sentiu uma picada na mão. Tentou se livrar do animal, mas nada. A piranha mordeu o polegar da mão direita e não soltou mais.

A dor foi tão forte que Brown teve de soltar o peixe na água, com medo de perder os outros dedos. Não é a primeira vez que o proprietário da loja tenta vender a piranha. É a terceira seguida que ela o ataca.

ouvidos pelo jornal Daily Mail disseram que piranhas costumam morder somente quando estão famintas – dificilmente para se defender. David Waines, do Blue Reef Aquarium, em Newquay, também no sul do país, diz que Brown foi muito azarado.

– Quando cheguei ao e disse que tinha sido atacado por uma piranha, os e tiraram sarro de mim. Acharam que eu estava brincando, contou Brown.

O homem agora só venderá a piranha com o aquário inteiro junto.

Fonte: R7
Piranha revoltada detona dono de pet shop que tentava vendê-la foi modificado pela última vez: janeiro 8th, 2014 por Alexandre Domingues
Anterior

Pelo fim dos móveis mordidos

Próxima

Planta de estimação vive dentro de pote