0
Shares
Pinterest Google+

O agulhão-vela, também chamado de agulhão-bandeira, é o mais rápido dos oceanos. Seu salto atinge a marca de 110 km/h. Acredita-se que o formato do corpo (com a frente mais fina) é que o deixa mais veloz. Os especialistas descobriram que uma substância que fica sobre suas contribui para que nade mais rapidamente, pois reduz o atrito do corpo com a água.

Esquisitão, ele tem bico que parece espada e nadadeira (órgão ao lado do corpo que dá equilíbrio e ajuda na locomoção) que mede três vezes a altura do corpo. Essa parte lembra a vela de embarcação; daí vem seu nome. Mede cerca de 3 m e pesa, em média, 100 kg. Alimenta-se de pequenos peixes. Para isso, mergulha no meio do cardume e mexe o bico. Esse acaba deixando os peixinhos tontos o que facilita a captura. Como não tem dente, abre bem a boca para engoli-los de uma única vez. O bico também o auxilia a se defender. Entretanto, não é agressivo e só ataca se for .

Vive em pequenos cardumes no Atlântico, bem longe da costa brasileira (a mais de 180 mil m), onde a água é mais quente (entre 21°C e 28°C). É raro encontrá-lo nos meses de frio. Os pesquisadores não sabem para onde vai nessa época. Pode subir em ao Nordeste ou migrar para a costa da África.

de Carlos Alberto Arfelli, do Instituto de de São Paulo.

Outros Rápidos – O -espada também é maratonista da água, chegando a nadar a 96 km/h. Outros animais marinhos velozes são a orca, que nada a 55 km/h, e o -mako, que atinge 50 km/h.

A ave mais rápida é o falcão-peregrino. Durante seus mergulhos do céu em direção à superfície terrestre, alcança 360 km/h! Além de veloz, essa ave de rapina tem excelente visão: consegue enxergar um coelho a 3.500 metros de altura.

O antilocapra atinge 98 km/h. É herbívoro, vive em manadas entre algumas áreas do México, Canadá e . Menor do que o antílope, pesa entre 35 Kg e 60 kg, tem par de chifres com cerca de 30 cm de e pelo castanho.

O leão pode ser o rei da selva, mas a leoa é mais rápida do que ele, atigindo a de 81 km/h em distâncias curtas. Embora o macho seja mais forte, também gasta mais e sua juba aquece o corpo, deixando-o exausto mais cedo.

A gazela-de-thomson, que vive na savana africana, pode correr a 70 km/h por cerca de 15 minutos e há de velocidades superiores a 100 km/h, ao escapar de predadores, como o guepardo. Tem chifres e alimenta-se de gramíneas.

O gnu, que lembra a mistura de boi e , corre a 64 km/h, porém alguns já atingiram 80 km/h. Habita a savana africana, onde é vítima de leão, , guepardo e hiena. Vive em grandes bandos. Todos anos, migra em busca de comida e água.

Guepardo é o mais veloz terrestre – O guepardo, conhecido também como chita pelos africanos, é o animal terrestre mais rápido do . Em distâncias curtas, atinge 110 km/h, velocidade máxima permitida em muitas rodovias brasileiras. Seu corpo é esguio e aerodinâmico, como os carros esportivos. Pesa no máximo 65 kg, tem pernas longas, tórax largo e flexível, cabeça arredondada e patas com ranhuras. Mas não consegue manter a velocidade por muito tempo, quando o leão, o antílope, a zebra e o gnu, que também são ágeis, podem ultrapassá-lo.

O desempenho é superior ao de olímpico. No Zoo Cincinnati, nos Estados Unidos, a fêmea Sara percorreu 100 metros em apenas 6,13 segundos, enquanto o campeão jamaicano Usain Bolt levou 9,58 segundos para fazer o mesmo no de Atletismo de 2009.

Fonte: Diário do Grande ABC
Anterior

Extinção acelerada de espécies animais põe em risco saúde humana

Próxima

Fique atento: obesidade pode reduzir a expectativa de vida do seu mascote

  • carlos alberto

    De uma pesquisada sobre a Barracuda não sei mas a barracuda é a mais veloz . que o agulhão… ???

  • Edu

    Muito interessante.
    Faltou citar o atum. Já li relatos de que poderia atingir 120km/h. Mas sei que essas estimativas são pouco precisas. Em todo caso, deve estar bem próximo do agulhão.