Ministério Público recomenda que cidades evitem sacrifício de cães

Ceará – O Ministério Público Estadual enviou recomendação a cidades do litoral cearense para que sejam evitadas práticas como a registrada em Paraipaba, onde há denúncias de que animais são exterminados com o objetivo de preparar a cidade para o Carnaval.

Segundo a procuradora Sheila Pitombeira, o órgão está apurando se as cidades promovem uma “matança” às vésperas do feriado. Geúza Leitão, presidente da União Internacional Protetora dos Animais (Uipa), órgão que realizou a denúncia, afirmou que atualmente existe uma prática de exterminar os animais com o objetivo de “limpar” a cidade para que os foliões não se sintam incomodados.

Em Paraipaba, conforme informou a Folha Online, o coordenador da Vigilância Sanitária, Rodolfo Paiva, que também é veterinário, afirmou que animais saudáveis já foram sacrificados. “O que você vai fazer com o cão? Ele pode pegar doença, pode derrubar uma moto. Você vem pular Carnaval e ele pode te morder”.

A intitulada “Operação Carnaval” não deve acontecer este ano, segundo Paiva, porque a Promotoria determinou que os corpos dos cães mortos não fossem jogados no lixão, e não há incinerador no local.

Fonte: O Povo

Deixe uma resposta