Atropelamento de animais em rodovia de MS será monitorado

O Instituto Tecnológico de Transportes e Infraestrutura (ITTI), da Universidade Federal do Paraná (UFPR), realiza nesta semana o trabalho de monitoramento de atropelamento de animais silvestres.

O trabalho acontece na rodovia BR-262, entre os municípios de Anastácio e Corumbá, na região do Pantanal sul-mato-grossense.

Conforme o ITTI, a ação será realizada na quarta-feira, dia 26, quando uma equipe da instituição vai percorrer a partir de Corumbá, o trecho entre os dois municípios. O trabalho dura em torno de cinco horas e visa identificar as espécies envolvidas nos acidentes e mapear os locais onde ocorre a maior incidência de atropelamentos.

O objetivo, de acordo com o instituto, é através desse mapeamento, propor soluções para a redução do número de atropelamentos. Desde 2001, a entidade desenvolve um trabalho de gestão ambiental neste trecho da rodovia, com a proposta de minimizar, mitigar e compensar os impactos ambientais decorrentes de obras na estrada.

Deixe uma resposta