0
Shares
Pinterest Google+

cachorro-poodle-frio-agasalho-inverno-petrede

Mais que melhores amigos do homem, hoje em dia os animais de estimação já fazem parte da família e, assim como a preocupação por roupas mais quentes para os membros da família cresce nesta época de , aumenta também a procura por roupas em para os bichinhos.

Segundo Márcio José Contato, proprietário de uma loja especializada em para animais, a procura por roupas para aquecer os animais aumenta 100% nesta época em comparação com os meses mais quentes.

“As roupas de frio só vendem nesta época, mas os clientes costumam comprar mais de uma peça por animal, já que, além de trocar devido às cores, que podem ficar cansativas, tem também a questão de sujar e precisar lavar”, conta.

Contato explica que, apesar de a venda das roupas em lã e em tecido soft ser voltada principalmente para os animais de pequeno e médio porte, os de grande porte também têm registrado grande saída.

“Normalmente, os animais grandes costumam dormir fora de casa e, por isso, os donos procuram roupas para aquecê-los nesta época”, explica.

Os modelos são os mais variados e atendem a todos os gostos, mas os que registram mais saída são os vestidos, suéteres e macacões.

As roupas podem ser encontradas a preços que variam de R$ 6,00 a R$ 40,00, dependendo do tamanho e modelo.

Além das roupas, nesta época também aumenta a procura por edredons, que custam em média R$ 35,00, cobertores, camas, casinhas, colchonetes e o banho seco. “É um produto usado para limpar o animal sem precisar molhá-lo. O banho seco é pulverizado sobre o animal e depois removido com um pano”, diz. Ideal para ser usado nos animais que ficam dentro de casa.

“Hoje em dia mudou o conceito sobre os animais e as pessoas têm uma preocupação maior com o banho, a tosa, a alimentação e os próprios veterinários, neste caso um pouco menos, pelo valor mais elevado”, fala.

Autor: Janyne Godoy
Fonte: JC Rio Claro
Anterior

Os cuidados com a saúde dos gatos

Próxima

Gatos e suas sutilezas