0
Shares
Pinterest Google+

gato-fazendo-compras-mercado-petrede

Um dos mercados que mais crescem entre as micro e pequenas empresas são os . A por lojas deste tipo é cada vez maior, impulsionadas indiretamente pelo aumento do poder aquisitivo do brasileiro e o melhor planejamento familiar. Outro fator importante que estimula o setor é o fato de as pessoas demorarem mais tempo para ter filhos, suprindo essa carência afetiva com animais de estimação.

O médio mensal com animais pode chegar a R$ 400, valor considerado caro para despesas pessoais pelos próprios donos. Este fato levou o consultor em marketing e gestão de marca para pequenas e médias empresas, Hélio Moreira, diretor da NewGrowing Design, Marketing & Branding, a estudar as necessidades deste tipo de empresa: “analisando o mercado notamos que os pet shops, lavanderias e salões de cabeleireiro são os negócios que mais têm crescido ultimamente”.

O consultor analisa que a concorrência com grandes redes de departamento obrigou as lojas de bairro a mudarem o conceito: “com a chegada desses grandes concorrentes, os demais pet centers se viram obrigados a mudar sua forma de atuação para não perder seu público. Por isso, é fundamental cria fundamentos consistentes para que a marca possa se tornar referência em sua categoria e, com isso, orientar a dinâmica do mercado para a expansão do negócio e maior ganho em percepção de seu público”.

Foi justamente este o trabalho que a NewGrowing realizou para a Pet Show Mar, localizada na Vila Formosa, zona leste de São Paulo. O consultor utilizou três pilares: estratégia de posicionamento, identidade integrada e experiência de marca. A ideia era criar um novo conceito, tornando o pet shop atrativo para os freqüentadores.

“Nosso trabalho começou na identificação do público-alvo e da estratégia para uma loja de bairro conquistar mercado. Depois, sugerimos uma alteração no nome do , dando mais ênfase ao nome show, que remete ao conceito lúdico, com foco no bom e serviços diferenciados, oferecendo experiências ao cliente”, afirma.

“Buscamos também inspiração na magia da Disney, para atrelar o lúdico ao sentimento paternal criado entre donos e seus pets”, avalia. “Desta forma, posicionamos a loja e criamos estratégias de comunicação com seus consumidores”, finaliza Moreira.

Para o diretor de expansão da Pet Show Mar, Leandro Mariano, o novo conceito teve efeito rápido no aumento de vendas: “o mercado está a cada dia mais acirrado, e precisamos buscar diferenciais. Sem precisar abrir uma nova unidade, conseguimos ser uma novidade para nosso público. Assim, conquistamos novos clientes e ainda surpreendemos positivamente aqueles que já estão conosco”, destaca o empresário.

Já diretor financeiro Tiago Rodrigues ressalta que, além do branding, houve um trabalho interno para alcançar o resultado: “fizemos um trabalho forte nos últimos dez meses, de reestruturação da empresa, treinamento e do nosso pessoal para que o conceito da loja se refletisse no atendimento”, revela.

Fonte: Comunique-se
Crescimento do mercado leva pet shops a reformularem conceito para atrair clientes foi modificado pela última vez: agosto 28th, 2013 por Alexandre Domingues
Anterior

Mulheres preferem animais de estimação a sexo, segundo estudo

Próxima

Cão ou Gato? Saiba qual o pet ideal para você