0
Shares
Pinterest Google+

Um despretensioso pelo com seu animal de estimação pode se transformar em caso você desvie a atenção ou ele se assuste por algum motivo. Para evitar que ele fuja e seu paradeiro fique desconhecido, algumas empresas apostam em com , geralmente acoplados a uma especial. Conheça alguns desses produtos:

SpotLite
Com a promessa de que nenhum animal perdido permanecerá muito tempo longe de seus donos, o dispositivo é equipado com um sistema de desenvolvido pela empresa Securus, Inc. e deve ser fixado à coleira. A localização do animal de estimação pode ser determinada e visualizada por meio do celular, do smartphone ou do computador. O dono pode estabelecer SafeSpots, pontos de segurança que operam como um limite para o bichano. Caso ele ultrapasse essas linhas imaginárias, uma mensagem de texto ou um e-mail (ou ambos, conforme a configuração) avisa a posição exata do animal, com atualizações em um intervalo de até 30 segundos.

Quando o dono percebe que perdeu o animal de vista, ele pode utilizar o rastreador por conta ou ligar para a AKC CAR, a companhia de resgate animal nos Estados Unidos. O serviço opera 24 horas por dia e fornece a direção exata de onde o bichinho está. Caso alguém encontre o animal antes do dono, ele poderá acionar o botão “Resgate”, que emite uma mensagem de emergência com sua localização. Até o momento, o produto só está disponível nos países da América do Norte, mas a Securus planeja expandir o serviço para países da América do Sul e Europa no futuro.

Tagg – The Pet Tracker
O gadget, equipado com GPS e conexão wireless, permite que os donos do animal estabeleçam uma área onde ele passa mais tempo – como a casa, o quintal e os arredores. Ao ultrapassar esses limites, a ferramenta passa a emitir um sinal com a localização exata do bichinho, com alertas por e-mail, mensagem de texto ou aplicativos para iOS (sistema operacional da Apple) e Android. O rastreamento pode ser feito mesmo quando o animal está dentro da área pré-determinada, mas a função principal do dispositivo é evitar que ele fuja ou fique perdido.

É possível cadastrar até cinco contatos para receber os alertas. Projetado para resistir a corridas, exercícios e inclusive ao contato com a água, o gadget pode ser acoplado a uma coleira normal. A bateria dura até 30 dias, dependendo do uso, e o equipamento vem com uma base para efetuar a recarga. Quando a família vai viajar e leva o animal consigo, o botão viagem evita que os alertas perturbem a tranquilidade – sem interferir no rastreamento.

Como última novidade além da geolocalização, a versão mais recente da coleira monitora também informações sobre saúde e exercícios do animal de estimação. O equipamento é comercializado por US$ 99,95 e está disponível em quatro cores no site www.pettracker.com. Já o serviço de rastreamento custa US$ 7,95 por mês (os primeiros 30 dias são gratuitos). Para mais de um animal de estimação, o fabricante oferece descontos no produto e na mensalidade do serviço.

Pet Locator
Preso à coleira do animal, o aparelho é equipado com GPS e funciona inclusive em áreas onde o sinal é mais fraco, uma vez que a posição pode ser determinada também pelo chip GSM presente no gadget. O rastreador é ativado quando o dono efetua login em sua página para verificar a localização do animal. Também é possível estabelecer intervalos para receber alertas de sua posição – no caso de o bichano ultrapassar a “geocerca”, área pré-determinada pelo dono, uma mensagem automática é enviada para seu responsável. O chip é como o de um celular pré-pago (o que elimina a necessidade de assinatura mensal, mas requer recarga de créditos junto a uma operadora), e cada pedido de localização do animal custa o valor de um envio de SMS.

O dispositivo conta ainda com um pequeno painel solar, que capta energia e aumenta a vida útil da bateria – de uma autonomia de até 15 dias, essa duração pode chegar a aproximadamente 30 dias. Comercializado pela Inosat, o Pet Locator é vendido por 299 euros no site oficial da fabricante.

Fonte: Terra

Coleiras com GPS ajudam a rastrear animais de estimação foi modificado pela última vez: janeiro 6th, 2014 por Alexandre Domingues
Anterior

Paul McCartney estrela campanha vegetariana contra o peru de Natal

Próxima

Veja 10 perguntas para fazer antes de ter um animal de estimação